Bem vindo à Masial

Origem e Fundação

A empresa MASIAL Lda., deu início à sua actividade em 1 de Setembro de 1981 em Albergaria dos Doze, concelho de Pombal, por iniciativa do empresário Sr. Manuel da Silva Alexandre.

A MASIAL Lda. Iniciou a sua actividade produzindo e comercializando tubo em polietileno, perfis em PVC e manga para sacos. Em 1986 a empresa decidiu abandonar a produção e comercialização de sacos e dedicou-se até aos dias de hoje, única e exclusivamente à produção e comercialização de tubo e perfis.

Em 1988, com o falecimento do Sr. Manuel da Silva Alexandre, a Gerência da MASIAL Lda. passou a ser assegurada pelos seus dois filhos, o Sr. Paulo Alexandre Rodrigues da Silva e o Sr. Pedro Miguel Rodrigues da Silva.

O modo claro e objectivo de estar no mercado, aliado ao profissionalismo e transparência de actuação, são um forte contributo para a aceitação da empresa perante todos os seus parceiros comerciais, o que permite a MASIAL Lda. crescer e desenvolver-se sustentadamente.

A empresa opera em conjunto com os seus colaboradores fomentando um trabalho de equipa eficiente e eficaz, que contribui para o atingir da qualidade dos serviços e produtos que é uma máxima defendida pela MASIAL Lda.

sobre_esq
sobre_dir
,,
A MASIAL procura constantemente melhorar os seus índices de qualidade, para garantir a satisfação dos seus clientes. Essa preocupação está patente, por exemplo, nos testes de laboratório que efectua aos seus produtos.
Masial
A sua satisfação é importante para nós
demo-attachment-561-Subtraction-1
demo-attachment-561-Subtraction-1

Os nossos clientes

Clientes felizes

O principal objectivo da empresa é manter o lugar de estaque e de excelência da qualidade dos seus serviços e produtos, objectivo esse que sempre se debateu por alcançar, pretendendo assim satisfazer na totalidade os seus clientes.

Os nossos fornecedores

Parceiros de confiança

A MASIAL Lda. encara os seus fornecedores como parceiros de negócio.
Esta estratégia permite que a empresa alcance junto dos seus fornecedores bons padrões de confiança os quais, por sua vez, provocam o aumento de relações bilaterais entre a empresa e os fornecedores.